VitalC
(11) 2641-2000

Blog

Conheça as novidades da Vital C

Voltar

Cirurgia eletiva, de emergência ou de urgência. Entenda a diferença!

O arco cirúrgico é fundamental para dar suporte à equipe médica e proporcionar mais segurança durante os procedimentos.

A definição de parâmetros para a realização de procedimentos cirúrgicos é o que organiza o atendimento aos pacientes mais críticos nas unidades médicas. Para isso foi criada uma classificação com três escalas para as cirurgias: eletiva, de emergência e de urgência.

A utilização da metodologia traz diversas vantagens. Além de estabelecer prioridade de atendimento, o que aumenta as chances de sobrevida do paciente, permite a utilização mais eficiente do centro cirúrgico, uma vez que existe organização.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 234 milhões de procedimentos cirúrgicos são realizados por ano, no mundo. A grandiosidade desses números mostra a necessidade de planejamento, o que envolve equipes profissionais, salas de operação e materiais a serem utilizados, de forma a garantir a assistência hospitalar a todos que precisam.

Equipe médica durante procedimento cirúrgico

Cirurgia eletiva

Este é o tipo de procedimento que pode ser agendado, mesmo quando se trata de uma intervenção mais grave, como cirurgia de hérnia, remoção de pedras nos rins ou intervenções estéticas. Apesar de não estar na escala de urgência, a cirurgia eletiva é fundamental para a preservação da saúde.

Cirurgia de urgência

As cirurgias classificadas como urgentes são realizadas quando as condições dos pacientes podem se agravar rapidamente, podendo gerar risco à vida. No entanto, o procedimento, apesar de requerer pronta atenção, pode ser feito dentro de um intervalo entre 24 horas e 48 horas – isso se as condições de saúde não comprometem a vida do paciente ou oferecem danos irreversíveis.

Dependendo do procedimento a ser realizado, haverá a necessidade de internação prévia, para que o paciente seja preparado para a intervenção cirúrgica.

Cirurgia de emergência

A cirurgia de emergência é o procedimento que não pode esperar, deve ser realizada imediatamente ou em um período menor do que 24 horas. Ela acontece quando o paciente sofre uma ameaça aguda à vida, envolvendo órgãos, membros ou tecidos, sendo causada por traumas externos, processos de doenças graves, consequências de doenças crônicas ou complicações de outros procedimentos cirúrgicos.

Especializada em locação e manutenção de arco cirúrgico, a VITAL C está apta a fornecer os equipamentos para qualquer uma das classificações de cirurgias.

“Nossos aparelhos estão em condições de uso para qualquer demanda. Além de passarem por um intenso processo de análise para garantir performance de alta qualidade, os equipamentos podem ser entregues no mesmo dia da solicitação”.

Fábio Guedes, engenheiro e diretor comercial da Vital C

Em cirurgias de emergência, como acontece com traumatologia ortopédica, os arcos cirúrgicos são fundamentais para dar suporte à equipe médica e proporcionar mais segurança durante os procedimentos.

Para saber mais sobre locação e manutenção de arco cirúrgico, acesse o site da Vital C. Você também pode acompanhar a empresa nas redes sociais e ficar por dentro de notícias da área da saúde.

Fonte: Summit Saúde

Comunicação & Marketing VITAL C